Todos os posts de Mari Marini

Sobre Mari Marini

Campineira, Pedagoga, tenho 30 anos e muita coisa na cabeça. Faço 1000 coisas no meu dia-a-dia e agora meu esforço é que não sejam todas ao mesmo tempo. Criei este blog para compartilhar experiências, dicas, desabafos e reflexões.

Dia Internacional da Síndrome de Down

Olá pessoas,

não ando postando porque estou de férias, de boas, acompanhando o momento político do país (perplexa) e ouvindo muito e falando pouco sobre tudo (na medida do possível, porque eu falo pra caramba).

Mas hoje não poderia deixar de postar alguma coisa sobre essa data, o Dia Internacional da Síndrome de Down. Descobri, pesquisando para postar, que a data foi escolhida fazendo alusão à trissomia do cromossomo 21, a condição genética da Síndrome de Down. A data é comemorada desde 2006. Mais info aqui.

Não sou super entendida no assunto, mas gostaria de deixar minha contribuição para refletirem sobre a data.

Primeiro quero indicar um vídeo que derruba qualquer visão capacitista sobre a Síndrome, que é lindo!

Dá só uma olhada:

PS: eu até questiono porque direcionar o vídeo à mãe e não aos pais, mas não tira o mérito dele.

Depois, um podcast que discute acessibilidade e, apesar de não falar desse assunto especificamente, discute o que é “deficiência”. A parte que eu gosto mais é quando uma das meninas  explica a deficiência centrada nos limites da sociedade e não na condição individual. Entendeu? Não? Ouve que você entende! hahaha

Boa semana pessoal!

Beijos.

 

 

 

 

Anúncios

A vida de quem mora no 3º andar… sem elevador!

Hoje faz exatamente 3 meses que saí do apartamento de Campinas. Pra comemorar e relembrar – com muito carinho – do “antigo” cafofo, resolvi publicar esse post que estava em rascunho…

Escrevi no ano passado, quando nem imaginava todas as mudanças que estavam por vir! (as coisas aconteceram meio rápido… rs)

Da vida de quem vive sem o elevador:

Esquecer coisas no carro é uma oportunidade de se exercitar;
Você conhece os hábitos alimentares dos vizinhos pelo olfato (é bom que já sabe pra quem pedir comida na hora da necessidade);
Entre o carro e a cozinha, dá pra decidir o cardápio, até mesmo da semana;
Economia no mercado é questão de sobrevivência;
O curso prático de logística é gratuito;
DR é um exercício de passatempo com o marido;
Aliás, você aprende a controlar o tom de voz ao conversar sobre qualquer assunto;
Chegar tarde em casa volta a ser motivo de dar passos de felinos;
Você tem tempo “de sobra” pra criar teorias de qualquer coisa;
Você exercita a criatividade: criatividade maior = menos tédio no caminho;
Dá pra chegar em casa até com um post pronto pro blog.

PS: agora moro no 5º andar, mas com elevador (as pernocas agradecem). Ainda faço reflexões filosóficas enquanto estou subindo e ainda não faço selfie no espelho 😛

Receita: Cheesecake com Calda de Framboesa

Olá pessoas!

Tudo bem com vocês?
Como eu comentei nesse post aqui, agora vou todos os sábados numa feira do Agricultor em Valinhos pra fazer a feira da semana.
Em dezembro, uma expositora tinha muitas framboesas e estava vendendo (na verdade, até hoje penso que se parece mais com amora do que com framboesa mesmo, mas ela falou framboesa…rsrsrs). Ela nos avisou que era uma das últimas semanas em que levava, pois estava acabando a safra. Como acho essas frutas vermelhas a coisa mais bonitinha do mundo, compramos uma caixinha.
Quando cheguei em casa eu as congelei e fiquei pensando em como usá-las. Então decidi fazer um chesecake com calda de framboesa.
Pesquisei muito na internet e achei uma receita bem fácil de fazer, que esta nesse link aqui.
IMG_20151219_222848807
Olha a calda! (no meio do processo)
Esqueci de tirar foto do resultado final, shame on me, mas ficou apresentável e, mais importante, bem saboroso. O único problema da calda é que eu gosto de uma textura mais encorpada e acabei ficando com quase nenhuma fruta inteira, pois deixei mais tempo no fogo. Acho que eu que fiz errado mesmo…rs
Mas como eu tinha gostado muito (diz minha mãe que também, mas é mãe né? às vezes era só apoio moral), comprei mais framboesa na feirinha e fiz para comermos em casa no Natal com uma torta que minha mãe levou. Depois ainda fiz pra levar na comemoração de Ano Novo na minha sogra. Mas desta vez dei uma adaptada na receita, que ficou assim:
Calda de Frutas Vermelhas
Ingredientes:
2 colheres de sopa de manteiga sem sal
Frutas vermelhas picadas (acrescentei morango)
01 xícara de açúcar
Polpa de frutas vermelhas descongelada
Modo de fazer:
Derreta a manteiga, coloque as frutas vermelhas picadas e mexa em fogo baixo até começar a amolecer (isso vai de 5 a 10 minutos, dependendo da quantidade). Inclua o açúcar e mexa até formar uma caldinha. Acrescente as polpas e aumente para fogo médio até ferver, mexendo sempre a mistura. Pode desligar o fogo e está pronto!
Essa calda é uma delícia com sorvete de creme ou chocolate.
Se fizerem o Cheesecake ou só a calda, contem nos comentários.
Beijos e até mais!

Preciosidades de Figo City: Armazém do Livro

Oi gente,

tudo bem com vocês?

A partir de hoje, vou começar uma série que vou chamar de Preciosidades de FigoCity, onde quero apresentar as coisas bacanas que descubro na cidade.
É legal porque acho importante valorizar o comércio local e o espaço público da cidade onde vivemos e em Valinhos, por ser uma cidade menor, é mais fácil explorar isso.
Hoje quero apresentar uma livraria que é um sonho: o Armazém do Livro.
O Armazém do Livro é uma loja que já conheço desde a primeira vez que morei aqui. Teve um ano que até comprei uma agenda lá (na verdade foi minha última agenda… suspiros de saudade de quando eu comprava agenda todos os anos). Já tinha uma boa relação com a loja, mas agora é amor pra toda a vida! rsrsrsrs

Continuar lendo Preciosidades de Figo City: Armazém do Livro

Resenha: Viva a Liberdade

Oi Pessoal,

tudo bem?
Hoje a resenha é sobre um filme que assisti em 2014, quando ainda existia o Cine Topázio, e acabei não conseguindo contar sobre o filme na época.
O filme é o Viva a Liberdade.
Ficha técnica:

Viva a Liberdade

Título Original: Viva La Libertà
Ano: 2013

Diretor: Roberto Andò

Roteiro: Roberto Andò, Angelo Pasquini

Elenco Principal: Toni Servillo, Valerio Mastandrea, Valeria Bruni Tedeschi

Gênero: comédia, drama

Nacionalidade: Itália, França

Sinopse: Enrico Oliveri (Toni Servillo) é o candidato do partido de esquerda. Sua candidatura vai muito mal e ele enfrenta oposição até mesmo dentro do partido. O candidato some sem avisar ninguém.Seu assessor Andrea Bottini (Valerio Mastandrea), conversa com a mulher do senador Anna Oliveri (Michela Cescon) e pede autorização para resolver o problema de uma forma bem inusitada: chamar o irmão gêmeo de Enrico, que fora recém liberado de um manicômio, o filósofo e professor Giovanni Ernani (também interpretado por Toni Servillo),  para assumir seu papel por um tempo.
O resto eu não conto, só pra deixar vocês curiosos mesmo hehehe

Continuar lendo Resenha: Viva a Liberdade

Feira do Produtor de Valinhos

Fala pessoal,

tudo bem?
Desde que mudei pra Valinhos, no final de novembro, adquiri o hábito de procurar notícias sobre a cidade no site da Prefeitura, no Pé de figo e onde mais aparecer…rs
Numa dessas, descobri, sem querer, que Valinhos já tem há 10 anos uma feira semanal direto com os produtores do município.
Achei a feira muito interessante porque costuma sair mais barato que no supermercado e você ainda tem a possibilidade de comprar direto do produtor e diminuir a pegada ecológica do seu consumo, pois elimina uma parte do transporte.
Ainda por cima, o pessoal lá é muito simpático.
Então, eu sugiro que dêem uma passada lá pra conhecer. Vale a pena!
A feira acontece aos sábados (no horário oficial das 7h às 11h, mas tem gente lá a partir das 6h30. Quanto mais cedo, melhores as compras. eu sofro!) no Pavilhão de Frutas do Parque Municipal  “Monsenhor Bruno Nardini” (mais conhecido como Festa do Figo). O endereço é:  R. Dom João VI, 82 – Jardim Planalto, Valinhos – SP. Tem estacionamento em frente ao pavilhão pra facilitar as compras.
Vai que é legal!
Um beijo e até a próxima!

Carnaval

Oi pessoas,

Como estão nessa quase véspera de Carnaval?! Ansiosos para os 4 dias (e meio, para alguns) para cair na folia/no sofá/na viagem?

Já decidiram o que vão fazer?!!!
Para quem vai emendar e ainda não sabe o que fazer com tanto tempo de sobra, tenho nesse post aqui umas dicas de como planejar seu feriado e aproveitá-lo da melhor forma.
Eu ainda não completei meu planejamento dessa vez, fico aguardando as decisões do marido e me enrolo…rs
Mas tenho um plano B que é: qualquer tempo livre usar para terminar a arrumação da casa. Ainda não organizei tudo como gostaria desde que me mudei e agora está mais do que na hora!
De qualquer forma, sempre pesquiso o que está rolando antes de definir o que vamos fazer.

Blog Mari Marini – O Retorno

Fala pessoas,
tudo bem?
Esse post era pra sair em novembro! Eu o escrevi há uns 3 meses para contar do meu compromisso de escrever pelo menos 300 palavras por dia e prometer que não vou abandonar esse blog nunca mais na vida. É, não cumpri a promessa em novembro, shame on me, nem dezembro… estou tentando agora em janeiro, mas sem pressão (porque pressão não resolve comigo. mesmo.). Ainda bem que o compromisso não foi público né?
Nesse meio tempo de sumiço (há quase 1 ano atrás) trabalhei muito, muito MESMO. Além do meu emprego, peguei grandes projetos pra tocar. Trabalhei muito à noite, de madrugada, aos sábados e domingos… Além disso, fui avaliadora e coordenadora de sessões temáticas em um congresso da minha área. Foi uma super experiência.
Em 2015 eu também trintei, como contei no último post. E fiz uma festinha bemmm íntima, só pros mais-mais chegados. Vou contar sobre ela aqui no blog, em breve!

Continuar lendo Blog Mari Marini – O Retorno

Feliz 2016!

Oi pessoal,

tudo bem?
Já faz uns dois meses que eu estava ensaiando pra voltar, mas queria voltar com um número mínimo de posts pronto para não sumir logo de cara hehehe
O motivo do sumiço pode ser resumido em: “ué, já acabou 2015?!”
Não posso dizer que 2015 foi um ano difícil aqui em casa, principalmente comparado com as tantas pessoas que perderam sua fonte de renda  ou quando penso  nas pessoas diretamente afetadas pelas tragédias que marcaram este último ano. Mas foi um ano pesado de trabalho em excesso, de muita coisa pra dar conta, de bater com a cara na porta algumas vezes… enfim, também posso dizer que foi um ano de aprendizado, por tudo isso. Mas também foi o ano em que completei 30 anos (wow! estou na casa dos 30) e por isso foi um ano bem reflexivo.

Continuar lendo Feliz 2016!

Minhas leituras de fevereiro

Olá pessoas!!!!

Tudo bem com vocês?!
Estou um pouco atrasada, a semana passada foi uma loucura, essa semana estou meio atordoada ainda, mas vamos que vamos!
#foco #força e #fé pra atualizar o blog…hahahhaa
Bom, eu vou ser bem sincera com vocês, em fevereiro eu tirei férias de quase tudo, inclusive das leituras.
Esse mês ainda não voltei com as leituras porque estou usando muito do meu tempo livre em uns cursos online que resolvi fazer (prometo que qualquer dia desses conto sobre eles) e tenho lido muitos artigos, por isso é provável que a listinha do mês que vem seja tão pequena quanto esta. Mas em abril eu pretendo tirar o atraso!