Fazendo acontecer em 2015 – parte 1

Então, só porque eu sumi, again, estou me sentindo culpada e tentando compensar o sumiço posto dois dias seguidos.

Todos comemora?!

Ontem eu contei que fiz um planejamento para 2015 que eu gostei bastante… parece muito realista e funcional (só vou saber se é mesmo na prática né?). Acho que consegui isso porque estou mais madura e tenho mais autoconhecimento, mas também porque segui alguns passos que me ajudaram na reflexão.

Posso voltar daqui 366 dias e contar se funcionou ou não… mas se alguém quiser já tentar junto comigo, vamos lá!

É um processo um pouco demorado… eu não fiz tudo num dia só porque queria dar tempo pra maturar as coisas e muita coisa eu defini com conceitos e ideias que fui acumulando durante o ano… de fato não é algo que sai do dia pra noite.

Eu fiz um plano para o planejamento. Sei que a princípio isso não parece algo muito produtivo(rs), mas se você é uma pessoa como eu, precisa estruturar tudo que está fervilhando na cabeça antes de planejar seu ano…

Eu segui as dicas de um artigo de 2014 no Mude.nu (daqui) e do site da Thais, o Vida Organizada.

Mas eu fiz o meu próprio passo-a-passo que quero compartilhar com vocês.

Dividi o post em duas partes para ninguém dormir ao final dele, um sai hoje e outro amanhã.

Com isso, são 3 dias seguidos de postagem! (orgulho define…rs)

Então, hoje darei algumas explicações introdutórias sobre esse meu “método de planejamento” e o que fazer antes de começar a planejar de fato.

Inclusive, se empolgarem podem até começar com as orientações de hoje, que tal?!

As explicações prévias

Em primeiro lugar, sendo bem sincera com vocês, vou seguir muitos passos previstos no link do Mude.nu, mas o diferencial do que falo aqui é: eu me preocupei a princípio em olhar mais à frente do que dezembro de 2015, defini meus objetivos de vida e visões de 3 a 5 anos.

Além disso, não abordo a parte de implantar o GTD de fato que eles explicam no artigo, porque já faz parte da minha rotina (estou aperfeiçoando) e vou explicar aos poucos na série sobre GTD que escreverei (em breve no Blog Mari Marini mais perto de você). Outro diferencial: eu fiz usando o Evernote (S2), então vou contando um pouco como essa ferramenta me ajudou.

A ideia com esse planejamento era definir claramente diretrizes e rumos para minha vida. Então, é um passo-a-passo trabalhoso mas que será feito assim, de uma vez, só agora. Depois eu só vou revisando  periodicamente de acordo com o que estou prevendo na minha rotina de revisões do GTD.

Outra coisa é que o David Allen fala no livro do GTD que é importante começar “de baixo pra cima”, ou seja, você primeiro começa a gerenciar sua vida no dia-a-dia, sai do sufoco que é gerir sua rotiina, pra conseguir olhar de cima e ter maior clareza do que você quer pra sua vida de fato. Vou ser sincera, eu achei isso uma grande besteira quando li, mas olhando agora, em perspectiva percebi que faz muito sentido. Então, não se cobre demais se você tiver dificuldade pra definir sua missão pessoal neste momento, ou até mesmo seus objetivos pra 2 anos. Às vezes precisamos estar com a cabeça mais limpa pra conseguir pensar… se quiser esperar, comece a partir do passo 4 e depois volte quando tiver mais clareza dos anteriores.

Antes de começar:

Separe arquivos, anotações, lembretes e o que mais achar importante para te ajudar a definir sua missão pessoal, suas visões, objetivos e projetos… De preferência, escaneie ou copie e cole no Evernote (isso não é condição, mas acho que facilita depois). Eu já tinha tudo no Evernote ou Google Drive (já ter implantado o GTD anteriormente me ajudou muito porque os arquivos de referência estavam bem organizados e os materiais para revisão também), então só procurei nas tags e pastas que achei que poderiam ter materiais pra me ajudar e ia copiando os links. Anote esse passo-a-passo no Evernote e embaixo de cada item, cole os links que servirão de referência.

Se você tiver celular ou tablet com o Evernote, vai ser muito útil tê-lo por perto, pra ler nele e escrever no PC.

Se não quiser fazer no Evernote, faça num caderno ou num arquivo de texto. Mas Evernote é muito mais legal…rs

Amanhã volto aqui pra contar os 8 passos, que são:

 1. Definir princípios
2. Definir a missão/objetivos de vida
3. Redefinir as visões de 3 a 5 anos
4. Redefinir os objetivos de 1 a 2 anos
5. Revisar áreas de foco
6. Revisar/criar projetos e desafios
7.Definir novos hábitos, rituais e rotinas
8. Quadro Geral do ano
Até!
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s